Quinta-feira, 22 de maio de 2014

Jovem preso “por engano” é solto depois de quase um mês na Fundação Casa

Depois de uma reportagem pelos jornalistas Bruno Paes Manso e André Caramante para o Jornal Estado de São Paulo, a Justiça de São Paulo determinou a soltura do adolescente preso desde o dia 29 de abril, acusado de roubo.

Conforme apontou a reportagem, o jovem estava em sua casa, conversando com amigos nas redes sociais havia horas. Paralelo a isso, próximo a sua residência, cinco pessoas abordaram armados um Peugeot 308 e o roubaram. Ao empreender a fuga, os assaltantes bateram o carro no poste localizado na rua do adolescente preso, e fugiram a pé.

O jovem, negro, havia descido para fumar um cigarro na frente de seu prédio. Ao subir com outro morador, branco, foi para sua casa. Tempos depois, a polícia militar apareceu no prédio, adentrou e subiu nos andares – sem qualquer mandado judicial. O primeiro visitado foi o morador branco. Inocentado pelos policiais, o próximo visitado foi o jovem, que foi preso em flagrante e reconhecido pela vítima, a qual, em juízo, negou que tivesse reconhecido o adolescente a qualquer tempo. Apesar da negativa da vítima, o jovem foi condenado e preso no penúltimo dia de abril.

As informações da reportagem foram obtidas pelas câmeras de segurança do prédio e da rua. Em razão das novas provas, a 4ª Vara da infância e juventude de São Paulo determinou a soltura do jovem, o qual saiu ontem, (21).

A reportagem pode ser lida clicando aqui.

imagem Victor

Quinta-feira, 22 de maio de 2014
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend