Segunda-feira, 2 de junho de 2014

TRT do Maranhão decreta ilegalidade da greve de motoristas de ônibus em São Luís

Em decisão liminar, a desembargadora Solange Cristina Passos de Castro Cordeiro, do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (TRT-MA), determinou a circulação de 70% da frota de ônibus da cidade de São Luís, capital do Estado. A decisão ocorreu na Ação Declaratória, com pedido de liminar para declaração de abusividade e ilegalidade da greve dos rodoviários, bem como fixação de multa diária. A ação foi ajuizada durante o plantão judicial do fim de semana pelo Município de São Luís em face do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário no Estado do Maranhão (STTREMA) e do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET).

A decisão de manter 70% da frota em atividade também autoriza a contratação excepcional de empregados do setor do transporte. Em entrevista ao G1, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Maranhão (Sttrema) Gilson Coimbra disse ter ciência da decisão: “Não fomos informados de nenhuma decisão, por isto vai continuar tudo como está”.

A greve está no seu 13º dia e segue sem acordo. Para mediação, a desembargadora determinou a realização de perícia contábil na documentação do contrato de concessão de serviços de transportes, firmado entre o Município de São Luís e as empresas de transporte, para apurar alegações do Município sobre as dificuldades nas negociações durante a greve. Informações da Assessoria de Comunicação do TRT-16.

Segunda-feira, 2 de junho de 2014
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend