Margarete Pedroso: “Orientar políticas públicas sob o prisma humano é algo que o Estado deveria ter interesse”
Terça-feira, 8 de setembro de 2015

Margarete Pedroso: “Orientar políticas públicas sob o prisma humano é algo que o Estado deveria ter interesse”

Quem conhece o Justificando sabe que Procuradores do Estado têm cadeira cativa no portal, semanalmente, na coluna Olhares Humanos, a qual, conforme sugere o próprio nome, leva um pouco da visão humanista de pessoas que integram a carreira para o público em geral.

Pois no Programa "Advocacia Pública" da semana, apresentado por Márcia Semer, Procuradora do Estado de São Paulo e Presidenta do Conselho Consultivo da Associação Nacional dos Procuradores, os Olhares Humanos serão justamente a pauta a ser debatida.

A convidada não é ninguém mais, ninguém menos, que Margarete Pedroso, também integrante da carreira em São Paulo e uma das fundadoras do espaço. Margarete já escreveu ao Just sobre temas como a redução da maioridade e perfil do encarcerado brasileiro.

Na entrevista, a Procuradora do Estado defendeu que "direitos humanos e advocacia pública têm tudo a ver". Essa visão permanece apesar de ser o Estado um dos, se não for o maior, violador dos Direitos Humanos. Para ela, apesar disso, é fundamental o humanismo na carreira principalmente porque são os advogados públicos que orientam o Estado, especialmente na parte consultiva.

Orientar as políticas públicas sob o prisma humano é algo que o Estado deveria ter todo o interesse.

Além disso, programa abordou temas como criação do grupo e defesa dos direitos humanos em uma sociedade que ainda não entendeu o que eles significam. Veja abaixo a entrevista completa deste programa fundamental para entender e debater a carreira da advocacia pública 🙂

Terça-feira, 8 de setembro de 2015
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend