Ativistas temem por vida de jovem acusado que teve sua foto divulgada por apresentador
Quinta-feira, 14 de julho de 2016

Ativistas temem por vida de jovem acusado que teve sua foto divulgada por apresentador

A postagem de um policial e apresentador de televisão em Sergipe pode terminar em mais uma tragédia. Após o assalto a um ônibus na capital do estado que terminou com a morte do cobrador, o cabo da polícia militar Amiantas Oliveira, que também apresenta o programa policial Balanço Geral, divulgou a foto de um adolescente que, segundo ele, seria o responsável pelo crime.

A foto veio junto de um longo "desabafo". Na postagem, o cabo lamenta o fato de que a real intenção dele junto ao jovem não poderia ser realizada, fazendo referência a algo não permitido em lei, como tortura ou execução. Além disso, criticou os "Direitos Humanos" e pede força à família do cobrador.

Como apresentador de um programa local, sua postagem viralizou junto com a foto do adolescente e repercutiu na mídia do Estado, Jornal de Sergipe, o qual também fez a postagem identificando o jovem como o autor do crime.

Dentre os principais comentários, tanto na página do cabo, quanto na página da mídia regional, o tom é que o adolescente seja morto.

A história ganhou uma dimensão tamanha que ativistas de direitos humanos estão em busca de repercutir o fato, a fim de que a vida do jovem não seja tirada nas repartições policiais. Somente a redação do Justificando foi procurada por diversas vezes.

Para preservar sua imagem – divulgar foto de menores de idade a que se atribua ato infracional sem autorização judicial é crime previsto pelo Estatuto Criança e do Adolescente – a foto do jovem não foi divulgada nesta notícia.

 

Quinta-feira, 14 de julho de 2016
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend