Djamila Ribeiro lança “O que é Lugar de Fala?” nesta sexta, no Rio de Janeiro
Terça-feira, 28 de novembro de 2017

Djamila Ribeiro lança “O que é Lugar de Fala?” nesta sexta, no Rio de Janeiro

Foto: Christian Parente

Após o enorme sucesso em São Paulo, nesta sexta feira (1) será lançado, no Rio de Janeiro, o livro “O que é Lugar de Fala?” da mestre em Filosofia e feminista negra Djamila Ribeiro. O evento acontecerá na Casa Nem, na Lapa, um espaço que acolhe pessoas trans e travestis.

São esperadas 1.200 pessoas, que confirmaram presença no evento do Faceboook. Até o momento, mais de 4 mil pessoas demonstraram interesse pelo lançamento. Haverá um debate, bem como a distribuição de 100 livros, em um oferecimento da Lola Cosmetics, que doará também 100 exemplares para a Casa Nem e para o grupo Intelectuais Negras.

O bate-papo, que começará às 18h30, contará com presença da autora de diversas obras e ganhadora do Prêmio Jabuti, Conceição Evaristo. A apresentadora e jornalista da GloboNews Flávia Oliveira, Rafaela Queiroz, do Movimento Nacional Cidadãs Positivas, a responsável pela Casa Nem e ativista LGBT, Indianara Siqueira, também marcarão presença na ocasião.

A mediação ficará com a Professora Doutora da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Giovana Xavier, fundadora do grupo Intelectuais Negras, que organiza o evento. O valor da entrada será um quilo de alimento não perecível que será destinado à Casa Nem, e um pacote de absorvente, que será destinado a mulheres encarceradas.

Veja as fotos do lançamento em São Paulo por Daisy Serena:

Sobre o livro

Reconhecendo a importância do reconhecimento da multiplicidade de vozes, nasce a coleção Feminismos Plurais, parceria da Editora Letramento com o Justificando. Organizada por Djamila Ribeiro, a coleção visa abordar diversos aspectos e perspectivas dos feminismos, tendo como pilar principal mulheres negras e indígenas e homens negros como sujeitos políticos. 

Comumente, esses sujeitos são tratados como implícitos ou relegados a condição de “mero recorte” dentro de uma história única e excludente. Feminismos Plurais segue a responsabilidade histórica de romper silêncios. A coleção surge com o primeiro título “O que é lugar de fala?”, escrito pela própria organizadora.

A obra trata do conceito que muito tem sido falado  e muitas polêmicas acerca do tema têm surgido. Fazendo o questionamento de quem tem direito à voz numa sociedade que tem como norma a branquitude, masculinidade e heterossexualidade, o conceito se faz importante para desestabilizar as normas vigentes e trazer a importância de se pensar no rompimento de uma voz única com o objetivo de propiciar uma multiplicidade de vozes.  

Partindo de obras de feministas negras como Patricia Hill Collins, Grada Kilomba, Lélia Gonzalez, Luiza Bairros, Sueli Carneiro, o livro aborda, pela perspectiva do feminismo negro, a urgência pela quebra dos silêncios instituídos explicando  didaticamente o que é conceito ao mesmo tempo em que traz ao conhecimento do público produções intelectuais de mulheres negras ao longo da história. 

Pensar outros lugares de fala passa pela importância de se trazer outras perspectivas que rompam com a história única.

Informações do evento

Data e hora: Dia 01 de Dezembro de 2017 (sexta-feira), às 18. 

Local: Casa Nem – Rua Morais e Vale, 18, Lapa, Rio de Janeiro. O local fica próximo ao Beco do Rato.

Entrada: Um Quilo de Alimento não perecível e um pacote de absorvente.

Terça-feira, 28 de novembro de 2017
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend