OAB-RJ diz que governo age com ‘intimidação à imprensa’ sobre PF investigar Glenn Greenwald
Quinta-feira, 4 de julho de 2019

OAB-RJ diz que governo age com ‘intimidação à imprensa’ sobre PF investigar Glenn Greenwald

Imagem: Agência Senado

 

Por André Zanardo

 

Na tarde desta quinta-feira, 4, a OAB-RJ se manifestou em nota por meio da Comissão de Liberdade de Expressão do órgão, contra a tentativa de intimidação à imprensa por parte do Governo Bolsonaro.

 

 

A Polícia Federal, sem ordem judicial, solicitou ao Coaf um relatório documentando as atividades financeiras do jornalista Glenn Greenwald, editor chefe do ‘The Intercept’ Brasil. O jornalista recentemente divulgou reportagens com mensagens vazadas do ministro Sérgio Moro interferindo nas investigações da Lava-Jato. O ministro da justiça teria acesso às documentações solicitadas, visto que possui dentre suas competências o comando da PF, órgão investigativo policial.

 

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Estado do Rio de Janeiro, por meio de sua Comissão de Liberdade de Expressão, disse manifestar  “contrariedade e preocupação a propósito do pedido da Polícia Federal para que o Conselho de Controle de Atividade Financeiras (Coaf) levante detalhes das movimentações financeiras do jornalista Glenn Greenwald.” e “representa inaceitável prática de tolhimento e intimidação, em flagrante afronta à Constituição Federal.”

 

Leia também:

Relembre os momentos em que a parcialidade de Moro foi questionada na Justiça

 

Em nota a OAB relembra a atuação notável do jornalista que é reconhecido mundialmente pelos vazamentos do caso Snowden, que expôs as operações americanas de coletas massivas de informações de civis pelo mundo. “Não haveria como desatrelar, do anunciado procedimento da Polícia, o trabalho jornalístico feito pelo site comandado por Glenn, profissional internacionalmente reconhecido e premiado.”

 

 

Por fim a nota assinada pelo presidente da comissão Marcus Vinícius Cordeiro clamou pela liberdade de imprensa como “pressuposto indispensável para o Estado democrático de Direito, sendo a OAB/RJ historicamente uma de suas mais ardorosas defensoras, por inclinação e dever estatutário.”

 

Leia mais sobre liberdade de expressão:

Ministros e entidades se manifestam contra violações da liberdade de expressão nas Universidades

Atual política brasileira: nossa liberdade está em cheque?

Liberdade de expressão em risco: mortes e perseguições expõem grave crise no Brasil

Os Limites da Liberdade de Expressão: uma coisa é censura, outra é responsabilização

 

 


O Justificando não cobra, cobrou, ou pretende cobrar dos seus leitores pelo acesso aos seus conteúdos, mas temos uma equipe e estrutura que precisa de recursos para se manter. Como uma forma de incentivar a produção de conteúdo crítico progressista e agradar o nosso público, nós criamos a Pandora, com cursos mensais por um preço super acessível (R$ 19,90/mês).

Assinando o plano +MaisJustificando, você tem acesso integral aos cursos Pandora e ainda incentiva a nossa redação a continuar fazendo a diferença na cobertura jornalística nacional.

[EU QUERO APOIAR +MaisJustificando]

Quinta-feira, 4 de julho de 2019
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend