Flávia Piovesan é exonerada do cargo de Secretária de Direitos Humanos
Quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Flávia Piovesan é exonerada do cargo de Secretária de Direitos Humanos

Foto: Reprodução/Agência Brasil

Nesta quarta-feira (1), o Diário Oficial da União publicou a exoneração de Flávia Piovesan do cargo de Secretária Nacional de Cidadania do Ministério de Direitos Humanos. Flávia, que já tinha a saída prevista para o fim de 2017, teve a demissão assinada pelo ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha

A partir de 2018, Piovesan irá assumir uma vaga na Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) da Organização dos Estados Americanos (OEA). Em entrevista ao G1, a ex-secretária afirmou que o pedido de exoneração partiu dela mesma. 

“A minha exoneração foi a pedido, no sentido de viabilizar uma transição adequada para o exercício do mandato junto a Comissão Interamericana de Direitos Humanos, a iniciar em janeiro de 2018. Observo que o exercício do mandato demanda total independência, o que torna incompatível a permanência no cargo”, disse. 

Há alguns dias, Flávia teceu duras críticas à portaria de Michel Temer que alterou conceitos de trabalho escravo, dificultando o combate das práticas no país. A ex-secretária também criticou as mudanças na Lei Maria da Penha. A demissão foi assinada poucos dias após as declarações. No entanto, Piovesan afirmou que a exoneração não tem relação com as opiniões manifestadas. 

Quarta-feira, 1 de novembro de 2017
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]

Send this to a friend